Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Dois projetos do IFSP Campinas são finalistas da Febrace 2019 – confira
Início do conteúdo da página

Dois projetos do IFSP Campinas são finalistas da Febrace 2019 – confira

Publicado: Quarta, 19 de Dezembro de 2018, 17h14

   

Foi divulgada nessa terça-feira (18/12) a lista dos projetos selecionados para a Feira Brasileira de Ciências e Engenharia, que acontece de 19 a 21 de março de 2019, na Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP). O Câmpus Campinas do Instituto Federal de São Paulo (IFSP) teve dois projetos aprovados: INTERACTIVE BRAILLE: Kit de alfabetização em Braille a baixo custo e TECNOLOGIAS SOCIAIS, REDES SOCIOTÉCNICAS E AGROECOLOGIA: Irrigador Automatizado de Baixo Custo Para Agricultura Familiar e Reforma Agrária.

Os projetos selecionados são de autoria dos estudantes Pablo Cavalcante dos Santos, Wagner Roberto de Souza Júnior e Alex Vieira Pereira (INTERACTIVE BRAILLE), sob a orientação dos professores Edson Anício Duarte e João Alexandre Bortolotti, e do estudante Ruan de Paiva Leopoldo (IRRIGADOR AUTOMATIZADO), sob a orientação da professora Erika Batista e coorientação do professor Edson Duarte.

Os estudantes são do curso Técnico em Eletroeletrônica Integrado ao Ensino Médio e fazem parte do projeto Wash (Workshop para Aficionados em Software e Hardware), desenvolvido em parceria com o Centro de Tecnologia da Informação – CTI Renato Archer.

Sobre a Feira

A Febrace é um movimento nacional de estímulo ao jovem cientista, que todo ano realiza na Universidade de São Paulo uma grande mostra de projetos. Desde 2013, assume um importante papel social incentivando a criatividade e a reflexão em estudantes da educação básica, através do desenvolvimento de projetos com fundamento científico, nas diferentes áreas das ciências e engenharia.

Irrigador Automatizado

O protótipo de um irrigador automatizado segue a tendência da pesquisa científica mundial, o campo da Ciência e Tecnologia Social (CTS). Em especial, a tecnologia foi desenvolvida para atender as demandas dos agricultores do Assentamento Milton Santos, em Americana, Região Metropolitana de Campinas (RMC), onde foram realizados os testes para validação do protótipo. O equipamento automatizado possibilita o aperfeiçoamento da atividade, pois há a possibilidade de configurar o período de irrigação e o volume hídrico específico para cada cultivo agrícola, evitando a saturação de água no solo e agindo sobre um importante aspecto do meio ambiente. Vale destacar que no caso do tempo de irrigação ultrapassar o desejado, existem riscos até mesmo de perda parcial ou total das produções. O protótipo também configura uma ação do Núcleo de Estudos em Agroecologia, Educação e Sociedade (Neaes) e do projeto “Agroecologia, tecnologias de produção orgânica em assentamentos rurais e educação popular”, que tem apoio financeiro do CNPq.

CONFIRA O VÍDEO EXPLICATIVO DO PROJETO

Interactive Braille

O sistema Braille é um processo de escrita e leitura baseado em símbolos em relevo, resultantes da combinação de até seis pontos separados entre duas colunas de três pontos cada. A alfabetização no sistema Braille requer o uso de ferramentas de apoio para que este processo tenha êxito. Muitos professores possuem dificuldades na alfabetização desses alunos, muitas vezes pela ausência de recursos técnicos e pedagógicos, o que dificulta a aprendizagem da escrita e da leitura pelos alunos. Com o uso da tecnologia, espera-se fornecer uma nova ferramenta neste processo de ensino e aprendizagem, por meio de materiais de baixo custo. O equipamento possui um sistema de identificação em Braille, cores vivas e contrastantes, sistema de RFID para identificação de cada peça e está integrado com microcontroladores e dispositivos de som para disponibilizar o som de cada letra ao usuário. Poderá ser utilizado em escolas regulares e em instituições de ensino de Braille para pessoas cegas ou de baixa visão.

CONFIRA O VÍDEO EXPLICATIVO DO PROJETO

registrado em:
Fim do conteúdo da página